Se você acha que ainda dá tempo de adotar algumas estratégias de marketing consolidadas, é melhor repensar: especialistas apontam 2019 como o ano de fim dos sites especializados.

Primeiro, um pequeno apanhado sobre o assunto.

Um dos termos que mais se popularizou no marketing digital nos últimos anos foi o marketing de conteúdo: a estratégia de atração de clientes e interessados através da apresentação de materiais ricos.

O problema foi que, com o aumento da demanda por esse tipo de serviço, aumentaram também entregas de má qualidade, e diversos sites ficaram sem a gestão adequada. Isso resultou em uma migração para outros canais, especialmente as redes sociais.

A má gestão de conteúdos em sites tornava quaisquer estratégias de atração ineficientes, e os sites não tinham tráfego.

Com o aumento da qualificação das plataformas, como o Instagram, que tem melhorado cada vez mais o seu serviço de venda e e-marketing para usuários, a grande tendência para 2019 é que se perceba o fim dos sites especializados.

É importante notar como a migração vem sendo feita desde o Facebook, que foi plataforma de crescimento para muitas empresas em seu boom inicial. Depois disso, muitos negócios migraram para sites próprios, procurando cortar gastos com anúncios pagos.

Agora, a grande tendência de mercado é a adoção de redes sociais com alto engajamento, como o Instagram e o Linkedin (para negócios B2B mais segmentados). que oferecem suporte para vendas e inserção de mercado.

Não só uma mudança estratégica das empresas, mas também uma mudança de comportamento dos usuários, essas novidades desafiarão algumas práticas mais comuns do marketing, e podem obrigar gestores a alterarem projetos já consolidados para manterem os resultados.

Além disso, é também a oportunidade de quem ainda não definiu seu principal veículo de comunicação. Toda mudança oferece uma oportunidade de crescimento e adoção, e explicamos melhor o porquê neste artigo do blog.

Para mais previsões sobre SEO e marketing em 2019, confira este artigo.

Fechar Menu