O Linkedin é hoje a rede social mais relevante para profissionais e empreendedores. Com uma série de ferramentas de networking, o maior banco de vagas do mundo e um algoritmo que favorece cada vez mais as interações profissionais entre seus membros, não é exagero afirmar estar no Linkedin, pelo menos em alguns segmentos, é indispensável.

O que muita gente não sabe é que o Linkedin permite que qualquer usuário exporte um arquivo com todos os e-mails (e vários outros dados menos relevantes) da sua rede de contatos. 

E isso abre inúmeras possibilidades dentro do marketing e vendas. Só para as três principais:

  • criar uma lista de e-mails para envio de newsletters e ofertas;
  • importar contatos em um CRM (Customer Relationship Manager) para abordagem comercial;
  • criar públicos semelhantes e/ou de remarketing para anúncios em diferentes mídias. 

Obviamente, o sucesso de cada uma dessas ações vai depender de outros fatores, e não apenas da lista em si. Se você envia uma oferta generalizada, sem qualquer nível de personalização para uma lista de e-mails que você acabou de exportar do Linkedin, por exemplo, dificilmente vai ter qualquer resultado.

Mas se você envia um e-mail de nutrição para qualificar a base (exemplo, um checklist de organização de eventos) e após alguns dias outro e-mail mais de aproximação, como um convite para participar de um workshop sobre organização de eventos, as chances de você extrair um contato qualificado ou uma venda é muito maior.

Como podemos de fato exportar uma lista de e-mails dos contatos do Linkedin?

O processo é muito simples e pode ser feito em menos de 2 minutos. Veja o passo a passo abaixo:

  1. Faça o login e clique no item “Minha Rede” no menu superior
  2. Na coluna esquerda da página (que pode estar no lado direito dependendo do dispositivo) clique no item “Contatos”
  3. Na próxima página, na coluna da esquerda, clique em “Exportar contatos”
  4. Para exportar apenas os e-mails e nomes, selecione a opção “Deseja algo em particular? Selecione os arquivos de dados do seu interesse.” e depois a opção “Contatos importados”
  5. Clique em “Solicitar Arquivo”

Pronto. Agora é só aguardar alguns minutos e o seu arquivo no formato .csv vai estar disponível para download.

Com o arquivo .csv em mãos você pode visualizar os contatos, importar em diferentes sistemas, criar públicos no Facebook e muito mais. 

Gostou da dica? Inscreva-se em nossa newsletters para receber outras dicas como essas direto em sua caixa de entrada, toda sexta-feira pela manhã.


Fechar Menu